CBF desconhece evento publicitário de Philippe Coutinho



O meia-atacante Philippe Coutinho será uma das referências da equipe brasileira na Copa do Mundo. Crédito: Reprodução/Internet

Anunciado como a estrela principal de um evento da marca Hugo Boss, na próxima quarta-feira, dia 23, em um shopping do Rio de Janeiro, na Zona Oeste da cidade, o meia Philippe Coutinho não deve comparecer ao local. A assessoria de imprensa da CBF, que trabalha diretamente com a Seleção Brasileira, desconhece qualquer combinação para que Coutinho seja liberado para ir ao evento. Os jogadores, inclusive, trabalharão em período integral, o que impossibilitaria a presença do craque do Barcelona.

Depois da confusa preparação da Seleção Brasileira para a Copa da Alemanha, em 2006, realizada em Weggis, na Suíça, a CBF tem tomado muito cuidado com os dias de treinamento que antecedem os Mundiais.

A entidade sabe que os jogadores têm os seus compromissos profissionais, e que os patrocinadores ficam ávidos por espaço na mídia neste período pré-Copa. Porém, a CBF não vai permitir que esses compromissos atrapalhem o trabalho da comissão técnica.

O evento de Philippe Coutinho foi combinado entre a assessoria da Hugo Boss e o empresário do jogador brasileiro. Segundo a assessoria de imprensa da entidade máxima do futebol, em nenhum momento houve um comunicado oficial.



MaisRecentes

Conselheiros do Vasco criticam atuação de diretor de futebol



Continue Lendo

Árbitros da Ferj estão sem receber parte dos pagamentos



Continue Lendo

Fora de São Paulo, Paraná lidera número de visitantes na Arena Corinthians



Continue Lendo