Projeto de Lei para regular distribuição das cotas de TV é rejeitado na Câmara



A Comissão de Esporte da Câmara aprovou ontem um parecer que rejeita a tramitação de um projeto de lei que tinha como intuito estabelecer regras para a comercialização dos direitos de transmissão do futebol. O texto foi proposto em 2015, pelo deputado federal Betinho Gomes (PSDB-PE).

A ideia era estabelecer, via alteração da Lei Pelé, uma divisão de verba de TV mais igualitária. O parecer aprovado foi formulado pelo deputado Carlos Eduardo Cadoca (PDT-PE).

Depois de uma mudança de relator e várias retiradas de pauta, o assunto voltou a ser discutido ontem. Andrés Sanchez (PT-SP) herdou a relatoria apenas para ler o documento que sacramentou o posicionamento contrário ao projeto.

Uma das justificativas citadas no parecer foi a própria autorregulação do mercado, já que a Globo mudou a distribuição de cotas de TV para o próximo contrato com os clubes.



MaisRecentes

Conmebol anunciará veredito do Flamengo na segunda semana de janeiro



Continue Lendo

Presidência da Primeira Liga fica com o América-MG; vice é do Paraná



Continue Lendo

Botafogo recupera certificado de clube formador da CBF



Continue Lendo