Projeto de Lei para regular distribuição das cotas de TV é rejeitado na Câmara



A Comissão de Esporte da Câmara aprovou ontem um parecer que rejeita a tramitação de um projeto de lei que tinha como intuito estabelecer regras para a comercialização dos direitos de transmissão do futebol. O texto foi proposto em 2015, pelo deputado federal Betinho Gomes (PSDB-PE).

A ideia era estabelecer, via alteração da Lei Pelé, uma divisão de verba de TV mais igualitária. O parecer aprovado foi formulado pelo deputado Carlos Eduardo Cadoca (PDT-PE).

Depois de uma mudança de relator e várias retiradas de pauta, o assunto voltou a ser discutido ontem. Andrés Sanchez (PT-SP) herdou a relatoria apenas para ler o documento que sacramentou o posicionamento contrário ao projeto.

Uma das justificativas citadas no parecer foi a própria autorregulação do mercado, já que a Globo mudou a distribuição de cotas de TV para o próximo contrato com os clubes.



MaisRecentes

Campanha ajuda Fortaleza a trazer de volta atacante Osvaldo



Continue Lendo

Ferj se surpreende com informalidade da prefeitura do Rio de Janeiro



Continue Lendo

Elenco do Palmeiras pede por Deyverson, Felipão dá chance, mas diretoria quer negociá-lo



Continue Lendo