CBF planeja Seleção de Masters para 2018: projeto social e de imagem



Walter Feldman, secretário-geral da CBF, e Parreira, que já se disponibilizou a ser o técnico (Foto: CBF)

A criação de uma Seleção Brasileira de Masters é um projeto que vai ganhar corpo em 2018 na CBF. A ideia, informada inicialmente pela coluna Radar, da Veja, é juntar ex-jogadores, especialmente campeões do mundo, para disputarem jogos ao redor do mundo (inclusive no Brasil, claro). Com o tetracampeão Ricardo Rocha de supervisor, a ideia é levar a marca da Seleção, mas também contribuir para o aspecto social. “Tem que estar fisicamente bem para não passar vergonha”, brinca o ex-zagueiro, em conversa com a De Prima.

Carlos Alberto Parreira aceitou a sugestão de ser o técnico da Seleção de Masters (sempre que a agenda permitir). A equipe, pelas conversas preliminares, não teria uma lista fixa de convocados. Mas os detalhes serão debatidos de forma mais aprofundada no ano que vem, segundo Ricardo Rocha. É preciso, por exemplo, discutir o modelo comercial do projeto.



MaisRecentes

À espera de decisão da Justiça sobre eleição, oposição se movimenta no Vasco



Continue Lendo

Instituto Guga Kuerten consegue captar doações via ‘Clube do Patrocínio’



Continue Lendo

Grupos respeitam luto por Eurico, mas rearrumação política está em curso



Continue Lendo