CBF planeja Seleção de Masters para 2018: projeto social e de imagem



Walter Feldman, secretário-geral da CBF, e Parreira, que já se disponibilizou a ser o técnico (Foto: CBF)

A criação de uma Seleção Brasileira de Masters é um projeto que vai ganhar corpo em 2018 na CBF. A ideia, informada inicialmente pela coluna Radar, da Veja, é juntar ex-jogadores, especialmente campeões do mundo, para disputarem jogos ao redor do mundo (inclusive no Brasil, claro). Com o tetracampeão Ricardo Rocha de supervisor, a ideia é levar a marca da Seleção, mas também contribuir para o aspecto social. “Tem que estar fisicamente bem para não passar vergonha”, brinca o ex-zagueiro, em conversa com a De Prima.

Carlos Alberto Parreira aceitou a sugestão de ser o técnico da Seleção de Masters (sempre que a agenda permitir). A equipe, pelas conversas preliminares, não teria uma lista fixa de convocados. Mas os detalhes serão debatidos de forma mais aprofundada no ano que vem, segundo Ricardo Rocha. É preciso, por exemplo, discutir o modelo comercial do projeto.



MaisRecentes

Zagueiro Felipe Santana, ex-Atlético-MG, pode ir para o futebol alemão



Continue Lendo

Investimento milionário na Granja Comary incomoda dirigentes de clubes da Série A



Continue Lendo

Cargos de vice-presidentes têm gerado desconforto entre grupos políticos no Vasco



Continue Lendo