Conmebol festeja liberdade em relação a contrato da Copa América



Alejandro Domínguez, presidente da Conmebol (Foto: Divulgação)

O sentimento na Conmebol é de ter conseguido uma espécie de carta de alforria ao oficializar o rompimento do contrato com a Datisa referente aos direitos comerciais e de transmissão da Copa América de 2019. O presidente da entidade, Alejandro Domínguez, inclusive tem ligado para outros dirigentes do continente e comemorado o fato de não haver mais o vínculo com a empresa envolvida no escândalo de pagamento de propina a cartolas.

Agora, resta definir como se dará o processo de venda dos direitos da competição, que será no Brasil. O Conselho da Conmebol tem reunião no dia 27, no Equador.



MaisRecentes

Vitória de Mufarrej no Botafogo não significará troca de funcionários



Continue Lendo

Presidente do COB diz que entidade já mudou e pede: ‘Vejam com outros olhos’



Continue Lendo

Corinthians espera premiação do Brasileiro em dezembro



Continue Lendo