Diretor financeiro do Flamengo acerta saída amigável e fará mês de transição



Paulo Dutra ao lado de Eduardo Bandeira de Mello (Foto: Divulgação)

A “janela de transferências” empresariais fez o Flamengo perder um funcionário importante. O diretor financeiro, Paulo Dutra, está de saída. Aceitou proposta tratada como irrecusável e não vai mais cuidar de uma das funções tidas como vitais na administração do clube.

A informação sobre a saída foi dada pelo Globoesporte.com. Diante desse cenário, o Flamengo já começou a se movimentar para achar um substituto à altura. O clube já tem algumas conversas em andamento. Dutra, como publicou também o UOL, foi “fisgado” por uma grande empresa internacional.

Obviamente não estava nos planos do Fla ficar sem os serviços de Paulo Dutra, que cuidou das finanças rubro-negras nos últimos quatro anos. Mas o profissional, que sai pela porta da frente, já fez um acordo – segundo a De Prima apurou – para participar de um período de transição (cerca de um mês) com o quem a diretoria entender ser o nome adequado para conduzir o trabalho daqui para frente.

Ao mesmo tempo, a diretoria do Fla vê o clube como atrativo para bons nomes da área financeira, sobretudo pelo histórico recente de crescimento econômico.



MaisRecentes

Oposição se enfurece com Bandeira de Mello e pode pedir a sua exclusão do Flamengo



Continue Lendo

Luiz Felipe Scolari pode ter contrato estendido até 2022 e depois virar manager



Continue Lendo

CBF deve se reunir com clubes para falar de manifestações políticas



Continue Lendo