Parreira cita ’50 dias fora do Brasil’ para não virar vice de futebol do Fluminense



Carlos Alberto Parreira não quer entrar no Fluminense sem ser “de cabeça”. Convidado pessoalmente pelo presidente tricolor, Pedro Abad, para ser vice-presidente de futebol, ele explicou à De Prima o motivo de não ter topado a missão.

– Estou com a vida diferente, muitos compromissos que até fevereiro me afastariam 50 dias do Brasil – disse Parreira, ressaltando que seria uma honra trabalhar no clube do coração.

A diretoria chegou a oferecer a possibilidade de que ele não batesse ponto com frequência tão alta, mas nem isso o convenceu:

– Não me sinto à vontade. Teria que viver o dia-dia do clube



MaisRecentes

Futebol americano: NFL e Microsoft ampliam parceria de atuação digital



Continue Lendo

Delta torna-se o primeiro parceiro da Olimpíada de Los Angeles-2028



Continue Lendo