Alerj ganha ares de arquibancada e tem provocação clubística entre deputados



Foto: LGSoares/Alerj

Foto: LGSoares/Alerj

A Assembleia Legislativa do Rio (Alerj) teve ares de arquibancada na sessão desta quinta-feira, durante discussão do projeto que tem como proposta inicial obrigar a Ferj a usar árbitro de vídeo nas principais competições do Rio.

Os deputados se alternaram nas provocações clubísticas assim que o primeiro orador inscrito, Wanderson Nogueira (PSOL), começou a falar. Ele citou que os clubes grandes do Rio não conheciam a segunda divisão, e então as “participações especiais” começaram. Primeiro, o deputado Flávio Serafini (PSOL) soltou: “O Flamengo não conhece segunda divisão. Tanto Fluminense, quanto Botafogo e Vasco já tiveram oportunidade”.

Aí veio Chiquinho da Mangueira (Pode): “O clube mais vice-campeão é o Flamengo”. Posteriormente, o vascaíno Carlos Osório (PSDB) tomou a palavra e, entre outras declarações sobre arbitragem, soltou: “A estatística mostra: Se é a favor do Corinthians e Flamengo, está tudo bem”. O deputado Tio Carlos (SD) veio logo em seguida: “O Botafogo é o time mais roubado que existe”.

Ao fim das contas, o projeto para implantação do árbitro de vídeo nos campeonatos da Ferj ganhou caráter autorizativo, já que poderia vir a ser considerado inconstitucional por pretender legislar em atividade privada. O texto recebeu 15 emendas. Antes do fim da discussão, Tio Carlos voltou à cena: “Se fosse retroativo, o Flamengo perderia uns 10 campeonatos”.

O deputado Samuel Malafaia, autor do projeto, concluiu as discussões com a constatação: “Como temos muita coisa importante para fazer além disso, vou terminar por aqui”. E eis que surgiu o grito no plenário: “Samuel, seu projeto acabou com o expediente”.



MaisRecentes

‘Rainbow Six Pro League’, no Rio de Janeiro, neste fim de semana, terá premiação milionária



Continue Lendo

Superintendente garante que não há obstáculos para construir no campo do Everest



Continue Lendo

Detalhe técnico pode impossibilitar obra no campo do clube Everest



Continue Lendo