Conmebol confirma empresa para árbitro de vídeo às vésperas de treinamento



Alejandro Domínguez, presidente da Conmebol (Foto: Divulgação)

Alejandro Domínguez, presidente da Conmebol (Foto: Divulgação)

A Conmebol anunciou nesta terça-feira que o Grupo Mediapro, com base na Espanha, foi o vencedor da licitação para implantação do árbitro de vídeo em seis partidas da Libertadores (isso envolve semifinais e final).

O grupo vencedor é signatário de um contrato para fornecer serviço similar à Liga Portuguesa. Em Portugal, a empresa investiu cerca de 1 milhão de euros, mas a Conmebol ainda não revelou valores da operação.

Começa nesta quinta o curso que a entidade sul-americana promoverá aos árbitros selecionados para atuarem com a ajuda do árbitro de vídeo.

Entre os brasileiros, foram selecionados Sandro Meira Ricci, Wilton Pereira Sampaio e Anderson Daronco. O treinamento com a turma do apito vai durar até 22 de setembro. O trio apoia a iniciativa, mesmo com pouco tempo para treino.



MaisRecentes

Fernanda Colombo deixa a arbitragem, lança livro e quer ser comentarista



Continue Lendo

Audiência pública promete pressionar políticos contra MP que retira recursos do esporte



Continue Lendo

Técnico brasileiro Milton Mendes renova mais alta licença da Uefa para técnicos



Continue Lendo