Governo tenta levar Grand Prix e Liga Mundial ao Parque Olímpico



Paulo Márcio Dias Mello, presidente da AGLO (Foto: Francisco Medeiros/ME)

Paulo Márcio Dias Mello, presidente da AGLO (Foto: Francisco Medeiros/ME)

A Autoridade de Governança do Legado Olímpico (AGLO) está na esperança de trazer para a Arena Carioca 1, no Parque Olímpico, a fase final do Grand Prix de Vôlei e da Liga Mundial do ano que vem. A autarquia conversa com a CBV sobre o assunto e se coloca à disposição.

No entanto, há um obstáculo – além da óbvia concorrência de outras cidades do país e do mundo: A Arena só tem 6,5 mil lugares. O desejo é contar com um equipamento que tenha, pelo menos, 10 mil. Resta a AGLO, se quiser continuar no páreo, buscar uma solução (ou convencimento) sem que haja um gasto para montagem de estrutura temporária.



MaisRecentes

À espera de decisão da Justiça sobre eleição, oposição se movimenta no Vasco



Continue Lendo

Instituto Guga Kuerten consegue captar doações via ‘Clube do Patrocínio’



Continue Lendo

Grupos respeitam luto por Eurico, mas rearrumação política está em curso



Continue Lendo