Flamengo reforça ideia de deixar Ato Trabalhista em breve



O presidente do Flamengo, Eduardo Bandeira de Mello, aproveitou um evento em Brasília sobre o Ato Trabalhista para reforçar que o clube está atento à chance de deixar o programa. O Fla entende estar próxima a perda da finalidade do Ato para o clube, já que as ações trabalhistas estão ficando escassas. O Ato Trabalhista centraliza em conta judicial os pagamentos dos clubes que dele fazem parte a diversos credores.
A APFut também participou do encontro e ficou de enviar, em parceria com a Academia Nacional de Direito Desportivo (ANDD), sugestões ao Tribunal Superior do Trabalho para otimizar o funcionamento do Ato.


MaisRecentes

CBV visita cidade que pode receber seleções de vôlei nos Jogos de 2020



Continue Lendo

Botafogo deixa a Libertadores com R$ 13,4 milhões pela participação



Continue Lendo

Empresa explica saída do Brasil do Tour da Taça da Copa do Mundo



Continue Lendo