Palmeiras e Atlético-MG deixam de ganhar R$ 3 milhões com queda na Libertadores



Além do prejuízo desportivo, a perda financeira. Eliminados nesta quarta-feira na fase oitavas de final da Libertadores, Palmeiras e Atlético-MG deixam de ganhar, logo de cara, R$ 3 milhões cada um, que é a cota de participação nas quartas de final da competição. E isso sem contar a verba com bilheteria que os dois clubes poderiam angariar se tivessem superado, respectivamente, Barcelona-EQU e Jorge Wilstermann.

Neste ano, a Conmebol ajustou os valores totais da premiação aos clubes. O montante pago em dólares durante toda a Libertadores é de US$ 98,9 milhões (R$ 312 milhões).



MaisRecentes

Oposição se enfurece com Bandeira de Mello e pode pedir a sua exclusão do Flamengo



Continue Lendo

Luiz Felipe Scolari pode ter contrato estendido até 2022 e depois virar manager



Continue Lendo

CBF deve se reunir com clubes para falar de manifestações políticas



Continue Lendo