Com liminar, Palmeiras se livra de taxa de policiamento



Foto: Cesar Greco/Palmeiras

Foto: Cesar Greco/Palmeiras

O Palmeiras fez contra o Atlético-PR, no domingo, o primeiro jogo em casa desde a entrada em vigor da liminar que dá o direito ao clube de não pagar a taxa de policiamento. Diferente do que acontece no Rio, por exemplo, há uma lei em São Paulo que obriga os clubes a bancarem o policiamento, mas o Palmeiras entrou com ação na Justiça por considerar que a medida é inconstitucional.

Nos oito jogos anteriores que fez como mandante, o Verdão gastou ao todo R$ 487 mil com a taxa de policiamento. Isso dá, em média, R$ 60 mil/partida.



MaisRecentes

CBV visita cidade que pode receber seleções de vôlei nos Jogos de 2020



Continue Lendo

Botafogo deixa a Libertadores com R$ 13,4 milhões pela participação



Continue Lendo

Empresa explica saída do Brasil do Tour da Taça da Copa do Mundo



Continue Lendo