Número de empresas na Lei de Incentivo ao Esporte cai pela metade



O total de empresas que destinaram parte de seu imposto de renda devido a projetos esportivo por meio da Lei de Incentivo caiu pela metade nos últimos dois anos. Após atingir 2.677 companhias incentivadoras em 2014, o número caiu para 1.891 em 2015, e apenas 1.323 no ano passado, segundo dados do Ministério do Esporte. Com a queda, o número de empresas apoiadoras foi ultrapassado pelo de pessoas físicas, que atingiu 2.119 em 2016.

As empresas que mais apoiaram por meio da Lei de Incentivo em 2016 foram o BNDES, com R$ 22,3 milhões, Banco do Brasil, com R$ 18 milhões, e Samsung, com R$ 5,9 milhões.

Apesar da queda no número das companhias, o valor total captado para projetos esportivos por meio da Lei de Incentivo bateu recorde no ano passado com R$ 265,7 milhões. (leia mais aqui).



MaisRecentes

Zagueiro Felipe Santana, ex-Atlético-MG, pode ir para o futebol alemão



Continue Lendo

Investimento milionário na Granja Comary incomoda dirigentes de clubes da Série A



Continue Lendo

Cargos de vice-presidentes têm gerado desconforto entre grupos políticos no Vasco



Continue Lendo