Número de empresas na Lei de Incentivo ao Esporte cai pela metade



O total de empresas que destinaram parte de seu imposto de renda devido a projetos esportivo por meio da Lei de Incentivo caiu pela metade nos últimos dois anos. Após atingir 2.677 companhias incentivadoras em 2014, o número caiu para 1.891 em 2015, e apenas 1.323 no ano passado, segundo dados do Ministério do Esporte. Com a queda, o número de empresas apoiadoras foi ultrapassado pelo de pessoas físicas, que atingiu 2.119 em 2016.

As empresas que mais apoiaram por meio da Lei de Incentivo em 2016 foram o BNDES, com R$ 22,3 milhões, Banco do Brasil, com R$ 18 milhões, e Samsung, com R$ 5,9 milhões.

Apesar da queda no número das companhias, o valor total captado para projetos esportivos por meio da Lei de Incentivo bateu recorde no ano passado com R$ 265,7 milhões. (leia mais aqui).



MaisRecentes

Botafogo sai da lista de clubes formadores da CBF. Coritiba retorna



Continue Lendo

Entidades buscam nome para preencher vaga no Tribunal Antidopagem



Continue Lendo

Na Seleção, preferência para sorteio da Copa é estrear mais tarde



Continue Lendo