STJD nega pedido do Vasco de efeito suspensivo em perdas de mando



O Vasco tentou, mas não conseguiu se livrar momentaneamente da pena de seis perdas de mando de campo e multa de R$ 75 mil imposta pela STJD, após a confusão em São Januário no clássico contra o Flamengo.

O clube deu entrada com pedido de efeito suspensivo, mas não foi atendido pelo auditor Otávio Noronha, que será o relator do caso no Pleno do Tribunal.

O processo envolvendo o time da Colina ainda não entrou em pauta, apesar de haver sessão da segunda instância nesta quinta-feira.

Além da decisão do STJD, há uma liminar em vigor deferida pela Justiça Comum que interdita São Januário por, pelo menos, 180 dias.



MaisRecentes

Ana Paula Oliveira vê árbitro de vídeo como ajuda e confia em bom treinamento



Continue Lendo

Nuzman está inclinado a se explicar na Câmara sobre escândalo



Continue Lendo

CBV visita cidade que pode receber seleções de vôlei nos Jogos de 2020



Continue Lendo