STJD nega pedido do Vasco de efeito suspensivo em perdas de mando



O Vasco tentou, mas não conseguiu se livrar momentaneamente da pena de seis perdas de mando de campo e multa de R$ 75 mil imposta pela STJD, após a confusão em São Januário no clássico contra o Flamengo.

O clube deu entrada com pedido de efeito suspensivo, mas não foi atendido pelo auditor Otávio Noronha, que será o relator do caso no Pleno do Tribunal.

O processo envolvendo o time da Colina ainda não entrou em pauta, apesar de haver sessão da segunda instância nesta quinta-feira.

Além da decisão do STJD, há uma liminar em vigor deferida pela Justiça Comum que interdita São Januário por, pelo menos, 180 dias.



MaisRecentes

Vasco acerta aumento pontual da exposição do Azeite Royal na camisa



Continue Lendo

Especialistas em Direito do Esporte se unem em um novo escritório de advocacia



Continue Lendo

Caso Everest: Diário Oficial publica autorização para licitar nova sede do clube



Continue Lendo