Atlético Paranaense abre escola de futebol na África



Uma comitiva do Atlético-PR viajou esta semana para a África onde o clube abrirá uma escola de futebol em um vilarejo próximo à cidade de Meru, a 200 quilômetros de Nairóbi, no Quênia. O projeto é realizado em parceria com a ONG Endeleza. O grupo que viajou para o país africano é formado pelo coordenador da Escola Furacão, Christian Korgut, o segundo secretário do Conselho Deliberativo, Roberto Bonnet, e a conselheira Cláudia Sovierzoski.

Na bagagem, os representantes do clube paranaense levaram 50 kits de uniformes para serem distribuídos aos garotos quenianos do projeto. No início, o campo que será utilizado no projeto será de terra mas melhorias estão previstas para os próximos anos.



MaisRecentes

De saída do Corinthians, atacante Roger interessa a Botafogo e Vasco



Continue Lendo

Conselheiros do Vasco criticam atuação de diretor de futebol



Continue Lendo

Árbitros da Ferj estão sem receber parte dos pagamentos



Continue Lendo