Ministério do Esporte se abstém de definir novas modalidades esportivas



O Ministério do Esporte optou por não dar uma decisão final sobre reconhecer algumas artes marciais como uma modalidade esportiva. Em reunião do Conselho Nacional de Esporte (CNE), na última sexta, o colegiado se baseou na Constituição para se livrar do pedido de entidades esportivas para reconhecer algumas atividades como esporte.

– Não cabe ao Conselho ou Ministério definir o que é esporte ou não – afirmou o ministro do Esporte, Leonardo Picciani.

Em fevereiro de 2016, uma reunião do CNE chegou a aprovar algumas artes marciais como esporte. A aprovação, entretanto, foi anulada dias depois pois membros do Conselho estavam com seus mandatos vencidos (leia mais aqui).



MaisRecentes

Ana Paula Oliveira vê árbitro de vídeo como ajuda e confia em bom treinamento



Continue Lendo

Nuzman está inclinado a se explicar na Câmara sobre escândalo



Continue Lendo

CBV visita cidade que pode receber seleções de vôlei nos Jogos de 2020



Continue Lendo