Romário quer que presidente de órgão do legado olímpico passe por sabatina no Senado



O senador Romário (PSB-RJ) quer que o presidente da Autoridade de Governança do Legado Olímpico (Aglo), Paulo Márcio Dias Mello, passe por uma sabatina no Senado. A proposta foi uma de suas quatro emendas apresentadas na comissão mista que debateu o relatório da Medida Provisória (MP 771) que criou a autarquia ligada ao Ministério do Esporte em substituição à Autoridade Pública Olímpica.

Romário, entretanto, terá que tentar incluir a proposta quando a MP for a votação no plenário do Senado já que a emenda não foi incluída no relatório feito pelo deputado Altineu Côrtes (PMDB-RJ), que aceitou apenas duas das 20 propostas apresentadas. O Congresso tem até o dia 10 de agosto para aprovar a MP que criou o órgão responsável pelo legado olímpico da Rio-2016.



MaisRecentes

Governo admite que errou em MP que retira recursos do esporte



Continue Lendo

Sem resposta de Zé Ricardo, Milton Mendes entra no radar do Botafogo



Continue Lendo

Novo diretor de futebol do Fluminense, Paulo Angioni tem três nomes para lugar de Abel Braga



Continue Lendo