Sem recursos, processo por uso de falsificação por parte do Inter ‘morre’ no STJD



O Internacional já mandou avisar ao STJD que não irá mesmo recorrer da condenação recebida em primeira instância no processo em que é réu por uso de documento falsificado no caso Victor Ramos.

A procuradoria do Tribunal segue no mesmo sentido e, portanto, o caso está “morto” e não será analisado pelo Pleno.

Desta forma, o Inter evita o desgaste de mais um julgamento e aceita a multa de R$ 720 mil imposta pela 5ª Comissão Disciplinar.

O blog já tinha revelado essa tendência.



MaisRecentes

Volta Redonda é o único clube do RJ a não publicar balancete. Dirigente promete números nesta quinta-feira



Continue Lendo

Ricardo Rocha lança canal de análises e entrevistas no YouTube



Continue Lendo

Dirigente tem a missão de transformar a Inter de Limeira em clube-empresa



Continue Lendo