Presidente da CBDA vai à Fina para legitimar eleição



O novo presidente da Confederação Brasileira de Desportos Aquáticos (CBDA), Miguel Cagnoni, deve se reunir com o presidente da Federação Internacional de Natação (Fina), Julio Maglione, até o final deste mês. No encontro, o dirigente brasileiro levará documentos para comprovar que o processo eleitoral da CBDA respeitou as normas brasileira e da própria entidade internacional, que às vésperas do pleito havia emitido um comunicado afirmando que a eleição não seria válida.

– Vou mostrar que todo o processo eleitoral atendeu as normas e padrões legais para legitimar o resultado – afirmou Cagnoni à coluna.

Na reunião com a Fina, o dirigente terá a companhia do presidente da Confederação Sul-Americana de Natação (Consanat), Francisco Lópes Chavez, com quem conversou sobre o imbróglio ao longo desta semana.

Já ontem, o novo presidente da CBDA esteve na sede do Comitê Olímpico do Brasil (COB) onde conversou com o presidente da entidade, Carlos Arthur Nuzman, que também se colocou à disposição para ajudar a CBDA a resolver a questão junto a Fina.



MaisRecentes

Após ação de empresa de alimentos, Justiça determina bloqueio de verbas do Vasco



Continue Lendo

Rodízio de ‘medalhões’ será desafio para Abel Braga no Flamengo



Continue Lendo

De saída do Corinthians, atacante Roger interessa a Botafogo e Vasco



Continue Lendo