Arena da Rio-2016 voltou a ser usada oito meses depois por R$ 15 mil



O Ministério do Esporte, por meio da Autoridade de Governança do Legado Olímpico (Aglo), tem alugado as arenas do Parque Olímpico por meio de melhorias nos equipamentos esportivos como contrapartida para reduzir os custos de manutenção do local. Para o Velódromo Olímpico, recebeu um investimento de R$ 15 mil em “benfeitorias”, segundo cita o Ministério do Esporte na autorização de uso da arena, que custou cerca de R$ 138 milhões.

O aluguel foi para a realização do evento “Rio Bike Fest”, que ocorreu entre os dias 26 e 28 de maio. Esta foi a primeira vez que o Velódromo foi utilizado desde os Jogos Rio-2016, há 8 meses. A explicação da pasta para estimar o valor recebido foi “critérios de mercado”. Além de eventos, o local tem sido usado provisoriamente pelo Ministério do Esporte para a realização de reuniões e encontros da pasta.



MaisRecentes

Bioquímico que defendeu Guerrero pede que processos não sejam “inquisição moderna”



Continue Lendo

Palmeiras pode receber proposta pelo lateral Victor Luis



Continue Lendo

CBF mantém rodada do Brasileirão, mas Anac vê risco de aviões não decolarem



Continue Lendo