No STJD, desfecho do carrinho de Fagner pode ajudar santista Copete



Um possível envio de notícia de infração ao STJD, como planeja o Cruzeiro, não significa automaticamente que o atacante Copete, do Santos, será denunciado pelo carrinho que tirou De Arrascaeta dos gramados por dois meses.

Há uma certa resistência na procuradoria em protocolar a denúncia, já que o árbitro viu o lance e interpretou que era para cartão amarelo. Além disso, o Pleno do Tribunal criou uma jurisprudência no ano passado de absolver o autor do carrinho, na entrada de Fagner, do Corinthians, em Ederson, do Flamengo.

Mas essa posição não é definitiva. Há uma equipe de procuradores analisando o caso.



MaisRecentes

Paz selada: Sheik e Dudu marcam jantar



Continue Lendo

Conmebol anunciará veredito do Flamengo na segunda semana de janeiro



Continue Lendo

Presidência da Primeira Liga fica com o América-MG; vice é do Paraná



Continue Lendo