Dirigentes brasileiros vão pressionar presidente da Conmebol em reunião na CBF



O presidente da Conmebol, Alejandro Dominguez, estará na sede da CBF, na próxima segunda-feira, e irá se reunir com os presidentes dos clubes brasileiros que estão na Libertadores. O dirigente irá ouvir muitas reclamações já que será o primeiro encontro após as punições da entidade ao Palmeiras por conta da confusão no jogo contra o Peñarol, no Uruguai.

Apesar da punição, não é só o presidente do Palmeiras, Maurício Galiotte, que anda irritado com as decisões da Conmebol. Antes da reunião na CBF ser agendada, o presidente do Santos, Modesto Roma Júnior, havia dito à coluna que o evento do sorteio das oitavas de final da Libertadores, no início de junho, também seria para “fazer política”.

Até mesmo o presidente da Federação Paulista de Futebol (FPF), Reinaldo Carneiro Bastos, que é membro do Comitê Executivo da Conmebol, também não concordou com as decisões da entidade. Na reunião na CBF, da qual estará presente, Bastos reforçará o coro dos dirigentes brasileiros.



MaisRecentes

Campanha ajuda Fortaleza a trazer de volta atacante Osvaldo



Continue Lendo

Ferj se surpreende com informalidade da prefeitura do Rio de Janeiro



Continue Lendo

Elenco do Palmeiras pede por Deyverson, Felipão dá chance, mas diretoria quer negociá-lo



Continue Lendo