Complicou! Conmebol enviou punição de zagueiro da Chape em 10 de maio




O prognóstico para o futuro da Chapecoense na Libertadores não é animador. A De Prima apurou que a Conmebol enviou no dia 10 de maio o comunicado sobre a suspensão do zagueiro Luiz Otávio por três partidas. CBF e Federação Catarinense, por exemplo, estavam notificadas sobre a decisão do Tribunal Disciplinar.

A informação da punição é enviada por e-mail às partes envolvidas, inclusive clubes. A CBF reforçou o comunicado, repassando no mesmo dia 10 à Federação Catarinense para que notificasse o clube. O grande mistério, que ainda será apurado internamente, é o motivo do desconhecimento do gancho por parte dos dirigentes do time catarinense.

Diante disso, torna-se improvável que a Chape não seja punida com a perda dos pontos conquistados diante do Lanús, que fez uma reclamação formal à Conmebol.

O artigo 23 do Código Disciplinar da Conmebol prevê que, em caso de escalação irregular de um jogador, o placar da partida em questão deve ser fixado em 3 a 0 para o time adversário.



MaisRecentes

‘Rainbow Six Pro League’, no Rio de Janeiro, neste fim de semana, terá premiação milionária



Continue Lendo

Superintendente garante que não há obstáculos para construir no campo do Everest



Continue Lendo

Detalhe técnico pode impossibilitar obra no campo do clube Everest



Continue Lendo