Eurico x Bandeira: provocações até por conta do BNDES



Não foi só por conta de customização e possível novo administrador do Maracanã que os clubes discutiram na Alerj. Eduardo Bandeira de Mello e Eurico Miranda trocaram alfinetadas até após provocação do vascaíno sobre o local de trabalho do dirigente flamenguista. Bandeira, argumentando que entregar a concessão a empresas pode não ser tão seguro, citou marcas fortes nos anos 1980 que não existem mais: Banco Nacional, Bamerindus, Mesbla… Eurico falou: “BNDES…”

Obviamente foi de propósito, já que Bandeira e outros membros da diretoria do Flamengo têm história no órgão. O presidente do Fla, então, retrucou:

– Você tá falando besteira, o BNDES tem 65 anos de existência, e nunca esteve relacionado a qualquer tipo de falcatrua. Ele existia em 1980, existe em 2017 e existirá daqui a 35 anos, assim como o Flamengo.



MaisRecentes

Conmebol anunciará veredito do Flamengo na segunda semana de janeiro



Continue Lendo

Presidência da Primeira Liga fica com o América-MG; vice é do Paraná



Continue Lendo

Botafogo recupera certificado de clube formador da CBF



Continue Lendo