Eurico x Bandeira: provocações até por conta do BNDES



Não foi só por conta de customização e possível novo administrador do Maracanã que os clubes discutiram na Alerj. Eduardo Bandeira de Mello e Eurico Miranda trocaram alfinetadas até após provocação do vascaíno sobre o local de trabalho do dirigente flamenguista. Bandeira, argumentando que entregar a concessão a empresas pode não ser tão seguro, citou marcas fortes nos anos 1980 que não existem mais: Banco Nacional, Bamerindus, Mesbla… Eurico falou: “BNDES…”

Obviamente foi de propósito, já que Bandeira e outros membros da diretoria do Flamengo têm história no órgão. O presidente do Fla, então, retrucou:

– Você tá falando besteira, o BNDES tem 65 anos de existência, e nunca esteve relacionado a qualquer tipo de falcatrua. Ele existia em 1980, existe em 2017 e existirá daqui a 35 anos, assim como o Flamengo.



MaisRecentes

‘Rainbow Six Pro League’, no Rio de Janeiro, neste fim de semana, terá premiação milionária



Continue Lendo

Superintendente garante que não há obstáculos para construir no campo do Everest



Continue Lendo

Detalhe técnico pode impossibilitar obra no campo do clube Everest



Continue Lendo