Governo busca patrocínios para bancar arenas olímpicas



Responsável pela gestão do Parque Olímpico da Barra, o Ministério do Esporte tem na iniciativa privada a saída para bancar os custos de manutenção e utilização das arenas usadas nos Jogos Rio-2016. À frente da iniciativa está Paulo Márcio Dias Mello, presidente da recém-criada Autoridade de Governança do Legado Olímpico (Aglo).

– Já entrei em contato com algumas empresas para tentar buscar patrocínios e investimentos em nosso legado para amenizar o gasto público – afirmou Mello.

Segundo o presidente da Aglo, adaptações têm sido feito feitas nos equipamentos esportivos para deixá-los aptos a receber eventos já que a estrutura necessária neste momento é diferente da utilizada na Rio-2016. Ele cita, por exemplo, a colocação de guarda-corpos em algumas arenas onde foram utilizadas arquibancadas provisórias nos Jogos Olímpicos.

No próximo mês, entretanto, dois eventos já estão confirmados para serem realizados no Parque Olímpico da Barra. O primeiro será a etapa do Circuito Mundial de Vôlei de Praia, que acontecerá na Arena de Tênis entre os dias 18 e 21. Já no último final de semana do próximo mês será a vez do chamado “Bike Weekend”, que em três dias de evento incluirá a realização do Campeonato Carioca de Ciclismo no Velódromo, além de uma ciclística pelo Rio de Janeiro.



  • Jubaleno Gumecindo Jacupiranga

    O maior erro do governo foi concentrar demais os eventos esportivos no Rio de Janeiro. Mesmo a Olimpíada deveria ter sido realizada numa cidade mais “limpa”, mais civilizada e menos corrupta, como Curitiba ou Florianópolis.

    O problema é bem maior do que o Parque Olimpico. Não existe política esportiva no Brasil, não temos sequer quadras de tenis públicas.

    Quando a Lava-jato vai pegar o pessoal do COB? Não é possível que não consigam algo para enjaular o Nuzman.
    Quando a Lava-jato vai investigar os ex-ministros dos esportes?
    Quando a lava-jato vai investigar a imprensa esportiva? E a Globo?

MaisRecentes

Presidente da Federação Paulista lamenta calendário apertado em 2018



Continue Lendo

Brasileiro de Aspirantes terá ajuda de custo e passagens bancadas pela CBF



Continue Lendo

Galiotte e Modesto em clima de paz: ‘É um dos mais éticos’, elogia o santista



Continue Lendo