Corinthians tem prejuízo de R$ 100 mil por cadeiras quebradas contra La U



A briga entre os torcedores chilenos e policiais militares durante o jogo entre Corinthians e Universidad de Chile pela Copa Sul-Americana rendeu um prejuízo de quase R$ 100 mil ao clube paulista por conta das cadeiras e bilheteria que foram quebradas na Arena Corinthians. Mas segundo o presidente corintiano, Roberto de Andrade, o clube chileno irá arcar com os custos.

– Eles me ligaram no dia seguinte se colocando à disposição para pagar os danos que será em torno de R$ 96 mil. Está tudo certo – comentou o dirigente.

Na partida entre Corinthians e Universidad de Chile, os torcedores chilenos quebraram várias cadeiras para atirar contra os policiais. Por conta da confusão, 26 pessoas foram presas, sendo que duas foram liberadas no dia seguinte. O restante teve que pagar fiança e foram proibidos de deixar o país antes do fim do processo.



MaisRecentes

Jogadores do Palmeiras receberam ‘mala branca’ do Boca Juniors para vencer na Libertadores



Continue Lendo

Câmara de Vereadores do Rio de Janeiro está dividida sobre o Everest



Continue Lendo

Diretoria do Vasco usa embargos na Justiça para que caso “HD do Vasco” não termine logo



Continue Lendo