Ministro do Esporte fala em ‘nova realidade’ após corte de 52% no orçamento



O Ministério do Esporte teve um corte de 52% em seu orçamento para 2017 em relação aos R$ 1,72 bilhão recebidos no ano passado, o que deixará a pasta com uma verba de cerca de R$ 895 milhões. Segundo o ministro Leonardo Picciani, o “severo corte” foi causado pela situação econômica do país que atingiu também outros ministérios do governo.

– Esperamos que no segundo semestre já seja um período de recuperação econômica do país para tentar reaver esses recursos – afirmou o ministro em audiência na Câmara dos Deputados.

Picciani diz que de imediato determinou cortes de gastos, que irá atingir várias atividades do Ministério como diárias pagas em viagens e locações de equipamentos.

– Impacta sim em nossos novos investimentos mas iremos nos adaptar a essa nova realidade – comentou.



MaisRecentes

Governo admite que errou em MP que retira recursos do esporte



Continue Lendo

Sem resposta de Zé Ricardo, Milton Mendes entra no radar do Botafogo



Continue Lendo

Novo diretor de futebol do Fluminense, Paulo Angioni tem três nomes para lugar de Abel Braga



Continue Lendo