Santos e Palmeiras pedem ao presidente da FPF para intervir junto a Conmebol por propagandas na Libertadores



Os presidentes de Santos, Modesto Roma Júnior, e do Palmeiras, Maurício Galiotte, foram à sede da Federação Paulista de Futebol (FPF), nesta sexta-feira, onde se reuniram com o presidente da entidade, Reinaldo Carneiro Bastos. Na conversa, os dirigentes pediram para Bastos tente junto à Conmebol a liberação de propagandas na parte interna de seus estádios durante os jogos da Libertadores.

A posição dos presidentes de Santos e Palmeiras é que a Conmebol impôs a medida sem o consenso dos clubes participantes na competição. Segundo a FPF, a visita dos dirigentes à sede da entidade foi para “entender melhor direitos e obrigações em relação à nova Libertadores”.

A entidade sul-americana obriga os times a tamparem em seus estádios a exposição de marcas cujas empresas não são patrocinadoras da Libertadores. O presidente da FPF tem bom trâmite na Conmebol e é o representante brasileiro nas reuniões da entidade sul-americana desde que o presidente da CBF, Marco Polo Del Nero, deixou de participar de compromissos no exterior.



MaisRecentes

Gestão de associação coloca clubes de Santa Catarina na vanguarda do futebol



Continue Lendo

Internet e canais de filmes podem transmitir jogos do Brasileirão a partir de 2019



Continue Lendo

Zagueiro Igor Rabello pode deixar o Botafogo e se transferir para a Itália



Continue Lendo