Ex-diretor do Corinthians: apoio à volta de Andrés e um ‘eu já sabia’ sobre Carille



O ex-diretor adjunto de futebol do Corinthians, Edu Ferreira, que esteve nos dois dias de desfile das escolas de samba do Grupo Especial do Rio, está comemorando o fato de, sob a batuta de Fabio Carille, o Timão estar tão bem no Paulista: “Sou suspeito para falar. Sempre quis o Carille, sabia que tinha condição de terminar os dois meses do ano passado. Ele está só provando que é capacitado”, disse Edu, que pediu demissão assim que Oswaldo de Oliveira foi anunciado.

Edu, que diz não ter deixado o Corinthians, apenas o departamento de futebol, garante estar atuando na política interna do clube e criticou a tentativa de impeachment contra o presidente Roberto de Andrade: “Não tinha cabimento. Foi um ato totalmente político, errado. Temos que dar apoio ao Roberto nesse último ano de gestão”.

Sobre a eleição do ano que vem, Edu defende a candidatura de uma figura experiente como fator para unir o clube. Ele cita Andrés Sanchez, que se reaproximou do controle do futebol. “Andrés é um dos homens mais importantes no Corinthians. É um nome muito forte. Seria muito importante para retornar ao comando do clube”, disse.



MaisRecentes

Vasco sofre mais uma derrota em ação movida pelo Espetto Carioca



Continue Lendo

Gestão de associação coloca clubes de Santa Catarina na vanguarda do futebol



Continue Lendo

Internet e canais de filmes podem transmitir jogos do Brasileirão a partir de 2019



Continue Lendo