Ex-diretor do Corinthians: apoio à volta de Andrés e um ‘eu já sabia’ sobre Carille



O ex-diretor adjunto de futebol do Corinthians, Edu Ferreira, que esteve nos dois dias de desfile das escolas de samba do Grupo Especial do Rio, está comemorando o fato de, sob a batuta de Fabio Carille, o Timão estar tão bem no Paulista: “Sou suspeito para falar. Sempre quis o Carille, sabia que tinha condição de terminar os dois meses do ano passado. Ele está só provando que é capacitado”, disse Edu, que pediu demissão assim que Oswaldo de Oliveira foi anunciado.

Edu, que diz não ter deixado o Corinthians, apenas o departamento de futebol, garante estar atuando na política interna do clube e criticou a tentativa de impeachment contra o presidente Roberto de Andrade: “Não tinha cabimento. Foi um ato totalmente político, errado. Temos que dar apoio ao Roberto nesse último ano de gestão”.

Sobre a eleição do ano que vem, Edu defende a candidatura de uma figura experiente como fator para unir o clube. Ele cita Andrés Sanchez, que se reaproximou do controle do futebol. “Andrés é um dos homens mais importantes no Corinthians. É um nome muito forte. Seria muito importante para retornar ao comando do clube”, disse.



MaisRecentes

Câmara de Vereadores do Rio de Janeiro está dividida sobre o Everest



Continue Lendo

Diretoria do Vasco usa embargos na Justiça para que caso “HD do Vasco” não termine logo



Continue Lendo

Vitória de Galiotte e Leila Pereira no Conselho Deliberativo gera desconfiança no Palmeiras



Continue Lendo