Corinthians renegocia todos os contratos da Arena para reduzir custos



O Corinthians está renegociando todos os contratos relativos à Arena para reduzir os custos do estádio, que gira em torno de R$ 7 milhões, segundo informações da coluna. A alegação é a nova realidade financeira do clube e cita como exemplo a não disputa da Libertadores neste ano. Entre os acordos que serão revistos está o da Tejofran, que presta serviços de limpeza e segurança. O contrato de R$ 1,3 milhão cairá pela metade.

O gerente de operações da Arena, Lucio Blanco, confirmou que o clube está renegociando todos os contratos e que as negociações estão em curso, não sendo possível informar os detalhes.

Já a Tejofran confirma que o valor do contrato com a Arena Corinthians será reduzido a pedido do clube. Segundo a empresa, o acordo com o estádio “sofrerá neste ano uma redução de escopo (número de funcionários empregados e volume de serviços prestados) em razão de um pedido formulado pelo próprio cliente”.

A companhia comenta ainda que “a renegociação e a consequente redução do valor contratual foram feitas não para conceder um desconto por item, mas para adequar o valor à nova realidade financeira do clube, que em 2017, como vem sendo divulgado, não terá as mesmas condições de anos anteriores, quando, por exemplo, disputou a Copa Libertadores da América”.

Outros contratos estão sendo analisados pela Comissão criada pelo Conselho Deliberativo do clube para apurar irregularidades ou valores que foram fechados acima da realidade do mercado. Na semana passada, o Corinthians assinou contrato com a empresa Indigo para administrar o estacionamento da Arena, contrato que gerou polêmica por conta da rescisão com a Omni, antiga gestora do espaço do estádio.



MaisRecentes

Contestado no São Paulo, Aguirre pode dar lugar a Rogério Ceni no fim da temporada



Continue Lendo

Oposição vai pedir que Diego Alves permaneça no Flamengo



Continue Lendo

Oposição se enfurece com Bandeira de Mello e pode pedir a sua exclusão do Flamengo



Continue Lendo