‘Estou ajudando a não tirá-lo’, diz Andrés sobre impeachment de presidente do Corinthians



Às vésperas da votação do impeachment do presidente do Corinthians, Roberto de Andrade, que ocorre na próxima segunda-feira, Andrés Sanchez diz que tem trabalhado para manter o mandatário do clube no cargo. Ex-superintendente de futebol da atual gestão, o dirigente deixou a atual diretoria no ano passado e é tido como articulador de uma coalização para colocar representantes de diferentes grupos políticos na administração do clube.

Apesar de negar que esteja participando de alguma articulação nos bastidores do clube, o dirigente diz que tem trabalhado para manter Andrade no cargo.

– Eu estou ajudando a não tirá-lo pois é péssimo para o clube. Errar todos vão errar, mas não teve dolo –  afirmou Andrés.



MaisRecentes

Oposição se enfurece com Bandeira de Mello e pode pedir a sua exclusão do Flamengo



Continue Lendo

Luiz Felipe Scolari pode ter contrato estendido até 2022 e depois virar manager



Continue Lendo

CBF deve se reunir com clubes para falar de manifestações políticas



Continue Lendo