Autoridade Pública Olímpica exonera mais 12 funcionários



A Autoridade Pública Olímpica (APO) tem enxugado seu quadro de funcionários passados quatro meses do fim dos Jogos Rio-2016. Nesta semana, 12 profissionais – sendo três superintendentes – foram exonerados ou dispensados do órgão pelo presidente Marcelo Pedroso, segundo divulgado no Diário Oficial da União.

Antes dos Jogos Olímpicos, a APO chegou a contar com mais de 130 funcionários. Vinculado ao Ministério do Esporte, o órgão foi criado em 2011 para ficar responsável pelas ações em conjunto envolvendo os governos federal, estadual e municipal voltadas para a Olimpíada no Rio.



MaisRecentes

Palmeiras arrecada R$ 13,5 milhões com ‘taxa de melhoria’ para os sócios



Continue Lendo

Registro de brasileiros menores de idade que jogam no exterior dobrou em 2016



Continue Lendo

Primeira Liga distribuirá R$ 6 milhões em premiação



Continue Lendo