Fluminense buscou tranquilidade sobre Maracanã com vice-governador



Entre os vários agradecimentos que fez no discurso de despedida da presidência do Fluminense, entre eles à CBF e até à Ferj, o agora ex-presidente Peter Siemsen reservou um tempinho para falar do vice-governador Francisco Dornelles, tendo o Maracanã como contexto.

– Foi excepcional. Foi a jogos do meu lado, tirou um peso que eu tinha (sobre Maracanã) e abriu as portas da Caixa pra a gente.

A intenção de Siemsen foi ressaltar que o clube tinha temor em relação ao que seria feito com a administração do estádio, temendo uma nova licitação com termos desconhecidos.



MaisRecentes

Clube da China deve fazer proposta ao Palmeiras para contratar Deyverson



Continue Lendo

Bittencourt é o primeiro presidente do Fluminense a apresentar dirigentes da base em Xerém



Continue Lendo

Pela primeira vez, desde que assumiu a CBF, Rogério Caboclo participará de um programa ao vivo



Continue Lendo