Federação pernambucana se antecipa à CBF e adota árbitro de vídeo no Estadual



A primeira experiência do uso de imagens para auxiliar os árbitros de futebol ocorrerá no Campeonato Pernambucano. É o que afirma o presidente da federação local (FPF), Evandro Carvalho, que aponta ter recebido o aval da Fifa para usar a tecnologia há duas semanas. No torneio, o equipamento será utilizado apenas nos jogos em casa de Sport, Náutico e Santa Cruz.

– Nossa intenção era ter usado já neste ano. Mas houve novas recomendações da Fifa que nos demandou uma série de adaptações mas agora está tudo pronto – diz o dirigente, que aponta um investimento de R$ 400 mil na implantação do sistema.

A FPF pretendia montar a estrutura para os árbitros de vídeo em um dos camarotes que a entidade tem direito nos jogos mas uma das recomendações da Fifa é que a estrutura fique dentro do gramado. Por conta disso, os profissionais que atuarão com o novo sistema ficarão dentro de um contêiner na beira do campo.

A CBF já realizou um teste do árbitro de vídeo na final do Carioca deste ano mas de forma offline (sem interferir na atuação do juiz da partida). A expectativa, entretanto, é que o uso do sistema em jogos nacionais ocorram apenas no segundo semestre de 2017.

Mesmo com a entidade adotando um período maior de testes, a FPF aponta que o sistema do Estadual foi idealizado pelos mesmos responsáveis da CBF: o ex-presidente da Comissão de Arbitragem, Sérgio Corrêa, e Manoel Serapião Filho, instrutor técnico da Escola Nacional de Arbitragem e autor do projeto brasileiro.



MaisRecentes

Flamengo x Botafogo tem prejuízo maior do que Fluminense x Vasco



Continue Lendo

‘Queremos uma identidade para a arbitragem’, diz chefe do apito na CBF



Continue Lendo

Impulsionado pela verba de TV, Bahia tem superávit de R$ 22 milhões em 2016



Continue Lendo