Ex-candidato critica fusão de Cacá Cardoso e Pedro Abad na eleição do Fluminense



Ex-candidato a presidente do Fluminense, Pedro Trengrouse utilizou sua rede social para criticar a aliança entre Cacá Cardoso e Pedro Abad para formar a chapa da situação no pleito do próximo dia 26. Segundo ele, que havia deixado a disputa após se unir com Cacá Cardoso, a nova chapa “não o representa” por não concordar com a forma de atuação da atual diretoria do clube, que ele descreve como “antiética” e “antidemocrática”.

– Para mim, vencer a qualquer preço não vale a pena. Mais que eleger o próximo presidente do Fluminense, prefiro ficar do lado certo da história e dar um basta às práticas de quem simplesmente quer o poder pelo poder – afirmou Trengrouse.

Com a nova fusão, a eleição no Fluminense passa a ter três candidatos: Pedro Abad (situação), Celso Barros e Mário Bittencourt (ambos de oposição).



  • Mario Enciclopedia

    DIZ SER ÉTICO E DEMOCRÁTICO E QUER DERRUBAR QUEM ELEVOU O FLUMINENSE A UM STATUS REALMENTE DE GRANDE CLUBE COM AS CONTAS EM DIA, CT PRÓPRIO E CONSTRUÇÃO DO ESTÁDIO ENCAMINHADA, É MUITA IGNORÂNCIA E ANSIEDADE DE ALGUNS QUE QUEREM FORMAR TIME A QUALQUER CUSTO NÃO SE IMPORTANDO COM AS CONSEQUÊNCIAS, O PRÓPRIO BARCELONA, PARA SE TORNAR A POTÊNCIA QUE É, ABRIU MÃO DE UM TEMPO SEM GANHAR TÍTULOS, SE ESTRUTUROU E HJ É O BARCELONA. A RAZÃO TEM QUE ESTAR ACIMA DA EMOÇÃO.

MaisRecentes

Órgão antidoping faz testes surpresa no Flamengo, Fluminense, Santos e São Paulo



Continue Lendo

Associação de árbitros diz que Felipe Melo é ‘péssimo exemplo para o futebol’



Continue Lendo

Número de empresas na Lei de Incentivo ao Esporte cai pela metade



Continue Lendo