Ex-candidato critica fusão de Cacá Cardoso e Pedro Abad na eleição do Fluminense



Ex-candidato a presidente do Fluminense, Pedro Trengrouse utilizou sua rede social para criticar a aliança entre Cacá Cardoso e Pedro Abad para formar a chapa da situação no pleito do próximo dia 26. Segundo ele, que havia deixado a disputa após se unir com Cacá Cardoso, a nova chapa “não o representa” por não concordar com a forma de atuação da atual diretoria do clube, que ele descreve como “antiética” e “antidemocrática”.

– Para mim, vencer a qualquer preço não vale a pena. Mais que eleger o próximo presidente do Fluminense, prefiro ficar do lado certo da história e dar um basta às práticas de quem simplesmente quer o poder pelo poder – afirmou Trengrouse.

Com a nova fusão, a eleição no Fluminense passa a ter três candidatos: Pedro Abad (situação), Celso Barros e Mário Bittencourt (ambos de oposição).



  • Mario Enciclopedia

    DIZ SER ÉTICO E DEMOCRÁTICO E QUER DERRUBAR QUEM ELEVOU O FLUMINENSE A UM STATUS REALMENTE DE GRANDE CLUBE COM AS CONTAS EM DIA, CT PRÓPRIO E CONSTRUÇÃO DO ESTÁDIO ENCAMINHADA, É MUITA IGNORÂNCIA E ANSIEDADE DE ALGUNS QUE QUEREM FORMAR TIME A QUALQUER CUSTO NÃO SE IMPORTANDO COM AS CONSEQUÊNCIAS, O PRÓPRIO BARCELONA, PARA SE TORNAR A POTÊNCIA QUE É, ABRIU MÃO DE UM TEMPO SEM GANHAR TÍTULOS, SE ESTRUTUROU E HJ É O BARCELONA. A RAZÃO TEM QUE ESTAR ACIMA DA EMOÇÃO.

MaisRecentes

Del Nero promete solução na segunda-feira para transmissão dos jogos da Seleção



Continue Lendo

Presidente da Ferj tira terceira licença em 2017



Continue Lendo

Vasco convive com atrasos salariais, mas mantém ascensão no Brasileiro



Continue Lendo