Federação baiana notifica CBF por arbitragem em jogos de Vitória e Bahia



Não são apenas os dirigentes dos clubes que estão reclamando da arbitragem do Campeonato Brasileiro. As críticas também já ocorrem por parte de entidades que são “parceiras” da CBF. É o caso da Federação Baiana (FBF), que já enviou três ofícios pedindo “sensibilidade” à Comissão de Arbitragem para não escalar árbitros de federações que têm times que rivalizam com Vitória, na Série A, e Bahia, na Segundona do Brasileiro.

De acordo com a FBF, a CBF ignorou os comunicados que foram enviados nos dias 13 e 26 de outubro, e 1º de novembro. Entre os exemplos citados pela entidade baiana está o jogo entre Fluminense e Vitória, na semana passada, que teve um juiz pernambucano, sendo que o Sport briga com o time baiano contra o descenso.

O curioso é que o presidente da entidade, Ednaldo Rodrigues, é aliado de Marco Polo Del Nero, tendo representado a entidade máxima na última eleição da Fifa, na Suíça, no início deste ano.



MaisRecentes

Executivo analisa direitos de transmissão: ‘O problema é que não há modelo no Brasil’



Continue Lendo

Candidato da oposição no São Paulo quer Abílio para negociar dívida com bancos



Continue Lendo

Governo oficializa nomes para compor a Apfut



Continue Lendo