Federação baiana notifica CBF por arbitragem em jogos de Vitória e Bahia



Não são apenas os dirigentes dos clubes que estão reclamando da arbitragem do Campeonato Brasileiro. As críticas também já ocorrem por parte de entidades que são “parceiras” da CBF. É o caso da Federação Baiana (FBF), que já enviou três ofícios pedindo “sensibilidade” à Comissão de Arbitragem para não escalar árbitros de federações que têm times que rivalizam com Vitória, na Série A, e Bahia, na Segundona do Brasileiro.

De acordo com a FBF, a CBF ignorou os comunicados que foram enviados nos dias 13 e 26 de outubro, e 1º de novembro. Entre os exemplos citados pela entidade baiana está o jogo entre Fluminense e Vitória, na semana passada, que teve um juiz pernambucano, sendo que o Sport briga com o time baiano contra o descenso.

O curioso é que o presidente da entidade, Ednaldo Rodrigues, é aliado de Marco Polo Del Nero, tendo representado a entidade máxima na última eleição da Fifa, na Suíça, no início deste ano.



MaisRecentes

Sem recursos, processo por uso de falsificação por parte do Inter ‘morre’ no STJD



Continue Lendo

Crise econômica reduz receitas com bilheteria e sócio-torcedor no país



Continue Lendo

Seminário no Rio discute crescimento do futebol feminino



Continue Lendo