CBF negocia com laboratório para fazer exames de doping no Brasil



A CBF está negociando com o Laboratório Brasileiro de Controle de Dopagem (LBCD) a possibilidade de realizar no Rio os exames de doping do futebol nacional. Atualmente, a entidade leva para Los Angeles, nos Estados Unidos, ou até para Lausanne, na Suíça, as amostras colhidas dos jogadores. O motivo? Fica mais barato fazer os exames no exterior do que no LBCD. Uma reunião ocorreu na sexta-feira passada e nela a CBF ouviu a primeira proposta do laboratório.

Depois da primeira reunião, a CBF agora terá que fazer uma projeção para 2017 de custo do exame no exterior, que atualmente – contando passagem e hospedagem – não chega aos R$ 954 por amostra, cobrados pelo LBCD. A entidade irá colocar o valor à mesa e saber se o laboratório brasileiro, pelo menos, chegará perto do valor cobrado lá fora, já com o aumento de 2% que é aguardado.



MaisRecentes

Renovação do atacante Talles Magno com o Vasco está bem encaminhada



Continue Lendo

Rodrigo Caetano surge como opção caso Alexandre Mattos deixe o Palmeiras



Continue Lendo

Caso vire empresa, investidores podem quitar dívida do Botafogo em até cinco anos



Continue Lendo