Federação tenta convencer CBF a liberar América-MG x Flamengo em Cuiabá



O presidente da Federação de Mato Grosso, João Carlos Oliveira, esteve na CBF para ver se a entidade abriria um precedente ao veto da venda de mando de campo e permitiria que o América-MG enfrentasse o Flamengo na Arena Pantanal, pela 35 rodada. O Coelho, segundo a argumentação, já entrou em acordo com uma empresa e a movimentação financeira ocorreu antes de a CBF anunciar a proibição para as últimas cinco rodadas das Séries A e B. Mas a CBF não está disposta a atender à solicitação.

A CBF, inclusive, quer colocar no regulamento da Série A a partir de 2017 que os clubes definam um palco principal e um secundário para mandar os jogos e acabar com a venda de partidas. A diretoria de competições sabe que as federações que têm estádios construídos para a Copa do Mundo, como Mato Grosso, Amazonas e Distrito Federal, e são “elefantes brancos”, irão reclamar. Mas a nova regra deve ser mesmo colocada em prática.

Além de tentar um precedente para que América-MG x Flamengo seja em Cuiabá, o presidente da Federação do Mato Grosso foi levar à CBF o interesse para receber a Seleção Brasileira em jogo pelas Eliminatórias, em 2017. A ideia é que o jogo contra o Paraguai seja na Arena Pantanal, mas a entidade não deu garantias, até porque depende da decisão da comissão técnica do Brasil.



MaisRecentes

Clube da China deve fazer proposta ao Palmeiras para contratar Deyverson



Continue Lendo

Bittencourt é o primeiro presidente do Fluminense a apresentar dirigentes da base em Xerém



Continue Lendo

Pela primeira vez, desde que assumiu a CBF, Rogério Caboclo participará de um programa ao vivo



Continue Lendo