Federação tenta convencer CBF a liberar América-MG x Flamengo em Cuiabá



O presidente da Federação de Mato Grosso, João Carlos Oliveira, esteve na CBF para ver se a entidade abriria um precedente ao veto da venda de mando de campo e permitiria que o América-MG enfrentasse o Flamengo na Arena Pantanal, pela 35 rodada. O Coelho, segundo a argumentação, já entrou em acordo com uma empresa e a movimentação financeira ocorreu antes de a CBF anunciar a proibição para as últimas cinco rodadas das Séries A e B. Mas a CBF não está disposta a atender à solicitação.

A CBF, inclusive, quer colocar no regulamento da Série A a partir de 2017 que os clubes definam um palco principal e um secundário para mandar os jogos e acabar com a venda de partidas. A diretoria de competições sabe que as federações que têm estádios construídos para a Copa do Mundo, como Mato Grosso, Amazonas e Distrito Federal, e são “elefantes brancos”, irão reclamar. Mas a nova regra deve ser mesmo colocada em prática.

Além de tentar um precedente para que América-MG x Flamengo seja em Cuiabá, o presidente da Federação do Mato Grosso foi levar à CBF o interesse para receber a Seleção Brasileira em jogo pelas Eliminatórias, em 2017. A ideia é que o jogo contra o Paraguai seja na Arena Pantanal, mas a entidade não deu garantias, até porque depende da decisão da comissão técnica do Brasil.



MaisRecentes

Caso vire empresa, investidores podem quitar dívida do Botafogo em até cinco anos



Continue Lendo

Conselheiros do Vasco vão pedir explicação formal a Campello sobre recusa a novos sócios



Continue Lendo

Conselheiros do Palmeiras cobram diretor de futebol Alexandre Mattos



Continue Lendo