Esporte é ignorado pelos candidatos que lideram as pesquisas nas capitais



Em uma eleição realizada em pleno ano de Jogos Olímpicos no Brasil, os candidatos a prefeito que lideram as pesquisas nas principais capitais do país ignoraram o esporte em seus planos de governo. Postulante a administrar a cidade da Rio-2016, Marcelo Crivella (PRB) não incluiu uma única proposta para a área entre as 50 principais citadas em seu site.

A ausência de proposições também ocorre nas candidaturas de João Leite (PSDB), em Belo Horizonte, Sebastião Melo (PMDB), em Porto Alegre. No caso de João Leite, chama a atenção a falta de propostas por ele ter sido atleta de destaque, sendo o jogador que mais vestiu a camisa do Atlético Mineiro.

Em São Paulo, o candidato João Doria (PSDB), que está à frente na corrida eleitoral, cita sete propostas em “Esporte e Lazer”, mas todas com objetivos vagos como “realizar projetos relacionados ao esporte de modo a assegurar suas continuidades”.



MaisRecentes

Globo vê obstáculos na ‘pressa’ da CBF para implantar árbitro de vídeo



Continue Lendo

Procurador do STJD não vê brecha para futura reclamação por causa do árbitro de vídeo



Continue Lendo

Eurico exalta árbitro de vídeo no Brasileiro: ‘Antes tarde do que nunca’



Continue Lendo