Brasília quer mais policiais dentro do Mané Garrincha para evitar brigas de torcidas



A Federação Brasiliense de Futebol (FBF) quer negociar com a Polícia Militar um maior número de oficiais atuando dentro do Mané Garrincha, principalmente em jogos envolvendo times de grandes torcidas. Atualmente, apenas a Tropa de Choque da PM atua dentro de campo, enquanto que seguranças são contratados para atuar junto aos torcedores.

Na avaliação da FBF, a falta de policiamento foi uma das falhas para ocorrer a briga entre torcedores de Flamengo e Palmeiras, em junho. O caso foi citado pelo diretor da entidade, Neymar Frota, em audiência sobre segurança nos estádios ocorrida na semana passada, na Câmara, onde apontou que Brasília deveria seguir o mesmo esquema de segurança que é adotado em outras capitais.

Outra iniciativa que está em discussão na capital federal é a criação de um Juizado Especial do Torcedor para concentrar as ocorrências ligadas aos jogos de futebol (leia mais aqui). O órgão já atua em outras capitais como São Paulo, Rio de Janeiro e Belo Horizonte.



  • Brenno Eduardo Arcie

    Só que as Leis (De verdae) PROIBE Policiais Militares em eventos Particulares ( como campeonatos esportivos ) …
    que o M.P de SC fez aquela vez ( e deu m..) ela fez o correto,mas não sabia que ia acontecer aquilo …

  • Luiz Matias

    aquela velha frase : só coloca tranca na porta depois dela arrombada .kkkk

MaisRecentes

Tour da Arena Corinthians perto de atingir 15 mil visitantes



Continue Lendo

Empresário não garante Gabigol na Inter de Milão



Continue Lendo

Percepção no Maracanã é que nova licitação só sai após eleição



Continue Lendo