CBDA tem três patrocinadores signatários do Pacto pelo Esporte



Criado para tentar melhorar a gestão nas entidades esportivas e impor mais transparência em suas atuações, o Pacto pelo Esporte conta atualmente com 22 empresas signatárias. Entre elas estão Correios, Bradesco e Estácio, que são parceiras da Confederação Brasileira de Desportos Aquáticos (CBDA), entidade que foi denunciada pelo Ministério Público Federal (MPF) por diversas fraudes envolvendo a gestão de Coaracy Nunes.

Apesar do Pacto pregar que as participantes não podem estar ligadas a entidades envolvidas em irregularidades, as signatárias não serão obrigadas a desfazer as parcerias. Ao menos até outubro de 2017, data limite que foi imposta para confederações, federações ou clubes adotarem transparência no modelo de gestão.

– Até lá, cabe à empresa decidir se mantém ou não o acordo em caso de irregularidades. Se preferir manter o patrocínio a uma entidade irregular, ela será obrigada a deixar o Pacto – afirmou Daniela Castro, diretora da Atletas pelo Brasil, uma das organizações que promove a iniciativa ao lado do Instituto Ethos e Lide Esporte, com apoio do escritório Mattos Filho Advogados.



MaisRecentes

Agência irá recorrer de decisão que tirou campanha do Flamengo do ar



Continue Lendo

CBF manda representante para Salvador para acompanhar arbitragem da final da Copa do Nordeste



Continue Lendo

Sindicato cria norma para repassar direito de arena a atletas em até 5 anos



Continue Lendo