CBDA tem três patrocinadores signatários do Pacto pelo Esporte



Criado para tentar melhorar a gestão nas entidades esportivas e impor mais transparência em suas atuações, o Pacto pelo Esporte conta atualmente com 22 empresas signatárias. Entre elas estão Correios, Bradesco e Estácio, que são parceiras da Confederação Brasileira de Desportos Aquáticos (CBDA), entidade que foi denunciada pelo Ministério Público Federal (MPF) por diversas fraudes envolvendo a gestão de Coaracy Nunes.

Apesar do Pacto pregar que as participantes não podem estar ligadas a entidades envolvidas em irregularidades, as signatárias não serão obrigadas a desfazer as parcerias. Ao menos até outubro de 2017, data limite que foi imposta para confederações, federações ou clubes adotarem transparência no modelo de gestão.

– Até lá, cabe à empresa decidir se mantém ou não o acordo em caso de irregularidades. Se preferir manter o patrocínio a uma entidade irregular, ela será obrigada a deixar o Pacto – afirmou Daniela Castro, diretora da Atletas pelo Brasil, uma das organizações que promove a iniciativa ao lado do Instituto Ethos e Lide Esporte, com apoio do escritório Mattos Filho Advogados.



MaisRecentes

Flamengo terá superávit de R$ 146 milhões em 2016, aponta banco



Continue Lendo

Grupo francês promete investir R$ 9 milhões na cobertura do Maracanã



Continue Lendo

Ação contra Profut no STF terá relatoria de Alexandre de Moraes



Continue Lendo