Grupo SóFLA emite nota de apoio ao Flamengo por ‘bater o pé’ e não assinar acordo de TV do Carioca



O grupo político SóFLA formulou uma nota de apoio à diretoria do Flamengo por manter a posição de não assinar um novo contrato com a Globo referente aos direitos de transmissão do Carioca sem que demandas feitas, especialmente na relação com a Ferj, sejam atendidas.

O Flamengo é o único clube que não assinou a renovação do vínculo, que expirou neste ano. A diretoria do clube, inclusive, já trabalha com o cenário de não ter jogos do Estadual televisionados.

VEJA A NOTA DO SÓFLA

O SóFLA apoia e saúda a postura firme e corajosa do Clube de Regatas do Flamengo nas negociações dos direitos de transmissão do Campeonato Carioca.

Na contramão dos outros clubes da primeira divisão do estado, o Flamengo até agora não assinou a renovação do contrato de TV. Nesta empreitada, o Flamengo está sozinho. Sozinho e certo. Ou melhor ainda, sozinho por estar certo.

Pois o Flamengo, mesmo sem eco entre os coirmãos, defende o que deveria constituir um ponto de partida também para eles: sem os clubes, o Campeonato Carioca não vale nada. São deles as páginas de glória. São deles as jornadas de triunfo, os dias e as noites que acenderam paixões. Mora neles, e em nenhum outro corpo estranho, a alma do futebol carioca.

Os clubes são a fonte de valor do Campeonato Carioca, e nada mais justo – e apropriado – que afiram eles mesmos, sem intermediários, o que corresponde a esse valor. O Flamengo está certo em pleitear que a verba relativa aos direitos de transmissão seja repassada a quem de direito, e não à FERJ.

O Flamengo também está certo em cobrar a preservação dos contratos assinados; o respeito à primazia das agremiações na definição dos preços de ingressos; certo em estar na defesa da transparência, da lisura e de uma agenda de mudanças. O Flamengo, repetimos, está certo – certo em cobrar o que é seu; certo em exigir protagonismo a quem move multidões; certo em adiar receita para brigar por princípios.

O SóFLA acredita que, ao agir como vem agindo nesta negociação, o Flamengo transmite uma mensagem de transformação ao conjunto do futebol brasileiro. E a mensagem precisa ser ouvida. Não pode ser abandonada.



MaisRecentes

Caso vire empresa, investidores podem quitar dívida do Botafogo em até cinco anos



Continue Lendo

Conselheiros do Vasco vão pedir explicação formal a Campello sobre recusa a novos sócios



Continue Lendo

Conselheiros do Palmeiras cobram diretor de futebol Alexandre Mattos



Continue Lendo