Com crise na Conmebol, publicidade na Sul-Americana fica ‘pobre’



Com a crise institucional da Conmebol, que culminou com o rompimento com a Global Sports, empresa responsável pela publicidade estática da Copa Sul-Americana, as placas de publicidade da competição – que este ano não tem title sponsor – estão “pobres”. Além de mensagens institucionais da própria Conmebol, só aparecem as marcas Nike – fornecedora da bola – e Fox Sports – canal detentor dos direitos de transmissão.

Apesar da crise, a Conmebol assegurou que manterá o aumento da premiação, anunciado aos clubes no inicio da competição. O montante total a ser pago na competição como cota de participação é de US$ 31,8 milhões (R$ 103,9 milhões).



MaisRecentes

Clube da China deve fazer proposta ao Palmeiras para contratar Deyverson



Continue Lendo

Bittencourt é o primeiro presidente do Fluminense a apresentar dirigentes da base em Xerém



Continue Lendo

Pela primeira vez, desde que assumiu a CBF, Rogério Caboclo participará de um programa ao vivo



Continue Lendo