Nuzman aguarda definições da Odepa para se candidatar à presidência da entidade



O presidente do COB e do Comitê Rio-2016, Carlos Arthur Nuzman, pretende se candidatar a presidente da Organização Desportiva Pan-Americana (Odepa), responsável pelos Jogos Pan-Americanos e que reúne os comitês olímpicos nacionais da região. Mas segundo a coluna apurou, há duas questões que ainda podem fazer o dirigente brasileiro desistir do cargo: o formato das eleições, como data e modelo de escolha do novo presidente; e os novos rumos que a entidade irá tomar após os Jogos Rio-2016.

O fato da Odepa ter, atualmente, um presidente interino, o uruguaio Julio César Maglione, após ser comandada por 40 anos pelo mexicano Mario Vázquez Raña, que faleceu no ano passado, deixa interrogações quanto a política da entidade nos próximos anos. Esse novo cenário envolve também mudanças no atual estatuto da Odepa. A eleição para a escolha do novo presidente ocorrerá ainda este ano.

Consultado sobre a intenção de Nuzman se candidatar a presidente da Odepa, o COB, através de sua assessoria de imprensa, afirmou apenas “não ter essa informação”. O dirigente está à frente da entidade há 16 anos.



MaisRecentes

Seleção de Tite dá melhores índices de audiência à Globo que equipe de Dunga



Continue Lendo

Após desistir do Maracanã, parceira do Flamengo irá atuar no Allianz Parque



Continue Lendo

‘Serão 6,5 mil testes este ano’, diz presidente da comissão antidoping da CBF



Continue Lendo