Brasil e Argentina no basquete terá segurança reforçada



A partida de basquete entre Brasil e Argentina que será disputada amanhã na Arena Carioca 1 é considerada de risco pelo segurança dos Jogos Rio-2016. Por conta da rivalidade entre os países, um maior efetivo da Força Nacional que atua no Parque Olímpico será deslocado para o local. O reforço ocorrerá tanto dentro quanto no entorno da Arena.

– Um maior número de policiais serão deslocados para esse jogo – comentou Antônio Gonçalves, da Secretaria Extraordinária de Segurança de Grandes Eventos (Sesge), vinculada ao Ministério da Justiça.

O número exato de policiais que irá trabalhar na Arena Carioca 1 para o jogo entre Brasil e Argentina só será definido nesta sexta-feira. Entretanto, a Sesge, que é ligada ao Ministério da Justiça, já avalia o esquema.

– Já estamos trabalhando em relação a esse jogo – comentou Nascimento, ontem, à coluna.

Além da rivalidade entre os países, um fato ocorrido na Rio-2016 fez a segurança do evento dar uma atenção maior à partida. Em um jogo de tênis, na última segunda-feira, ocorreu uma briga na arquibancada entre um torcedor brasileiro e um argentino. O curioso é que a disputa nem envolvia atleta do Brasil.



MaisRecentes

Com jovens em alta, CBF planeja negociação para liberar para a sub-17



Continue Lendo

STJD nega pedido do Vasco de efeito suspensivo em perdas de mando



Continue Lendo

Técnicos articulam pela redução de demissões no Brasil. Alguns cogitam até ‘boicote’



Continue Lendo