Com recuo de paulistas, Vasco adota postura mais observadora sobre Liga Sul-Americana



O Vasco não irá à reunião da Liga Sul-Americana por questões logísticas, mas a ausência virá a calhar para a postura do clube em relação à formação do bloco de clubes. O recuo dos clubes paulistas – depois de uma mobilização do presidente da Federação Paulista, Reinaldo Carneiro Bastos, que também é dirigente da CBF e tem cargo na Conmebol – fez com que o Cruz-Maltino adotasse uma postura mais observadora em relação ao futuro da Liga. No entanto, isso não quer dizer que a possibilidade de adesão do Vasco esteja descartada.

Como os paulistas não irão ao encontro desta terça-feira em Montevidéu e, além do Vasco, o Botafogo também não enviará representante, o Brasil só será representado por seis clubes.

Reinaldo bem que tentou articular com outros para diminuir ainda mais essa representação. O presidente do Cruzeiro, Gilvan Tavares, contou que o dirigente tentou marcar um jantar com ele no Rio, mas o encontro ficou para outra ocasião. Bandeira de Mello, do Flamengo, diz que tem “contato frequente” com Reinaldo, sobre “diversos assuntos”.



  • Braz José Freitas

    HOJE O WHATSAPP SE IGUALOU AO VASCO. CAIU PELA TERCEIRA VEZ.

    • Belo

      E eu enrabei tua mulher pela milésima vez

MaisRecentes

Assistente que deu gol irregular do Botafogo volta à escala no Fla x Flu



Continue Lendo

Mesmo de saída, concessionária cogita reativar tour do Maracanã



Continue Lendo

Atlético-MG ‘se livra’ dos boletos do Profut por seis anos



Continue Lendo