Clubes brasileiros atendem pedidos dos vizinhos e se reagrupam por Liga Sul-Americana



Com Russel Lopes

Os clubes brasileiros, a pedido de argentinos e uruguaios, voltaram a se articular para decidir se entram ou não na Liga Sul-Americana. Os quatro grandes paulistas, por exemplo, se reuniram na terça-feira, mas um encontro com um bloco maior está previsto para semana que vem, em São Paulo.

Há arestas a serem aparadas, como o país-sede, entrada ou não de mexicanos e peso dos votos dos clubes.

O presidente do Grêmio, por exemplo, defende que ele seja unitário.

– Se forem atendidos os preceitos de igualdade, cada clube um voto, de convivência com um nível de respeito mútuo, sem supremacia. Não se faz uma liga elitizada – disse Romildo Bolzan.



MaisRecentes

Torcedores podem acionar Ministério Público contra Pedro Abad



Continue Lendo

Campanha ajuda Fortaleza a trazer de volta atacante Osvaldo



Continue Lendo

Ferj se surpreende com informalidade da prefeitura do Rio de Janeiro



Continue Lendo