Globo teme segurança no entorno da nova casa do Fluminense e por isso mudou jogo de lugar



A Globo explicou com mais detalhes o motivo de ter solicitado à CBF que a partida entre Fluminense e Ypiranga, pela Copa do Brasil, nesta quarta-feira, fosse tirada do estádio Giulite Coutinho (reformado pelo Tricolor) e transferida para o Raulino de Oliveira, em Volta Redonda: temor em relação à segurança no entorno de Edson Passos.

A CBF já tinha indicado superficialmente a razão, mas a emissora acrescentou que “a mudança foi solicitada depois de uma avaliação técnica de segurança nos arredores do estádio”.

O presidente do Fluminense, Peter Siemsen, tentou contra-argumentar, mas não teve sucesso. O clube não gostou da mudança, que foi feita sem qualquer consulta ao Gepe, conforme confirmou o comandante do grupamento, Major Silvio.

Em nota, a Globo acrescentou que “não se trata de uma decisão para todos os jogos do Giulite Coutinho e que avaliações como essa fazem parte de um processo padrão para todas as arenas”.

O Fluminense reformou o estádio após um acordo com o América. O clube, que já conseguiu todos os laudos, inclusive de segurança, espera utilizar o campo no Brasileirão;



MaisRecentes

Campanha ajuda Fortaleza a trazer de volta atacante Osvaldo



Continue Lendo

Ferj se surpreende com informalidade da prefeitura do Rio de Janeiro



Continue Lendo

Elenco do Palmeiras pede por Deyverson, Felipão dá chance, mas diretoria quer negociá-lo



Continue Lendo