Globo teme segurança no entorno da nova casa do Fluminense e por isso mudou jogo de lugar



A Globo explicou com mais detalhes o motivo de ter solicitado à CBF que a partida entre Fluminense e Ypiranga, pela Copa do Brasil, nesta quarta-feira, fosse tirada do estádio Giulite Coutinho (reformado pelo Tricolor) e transferida para o Raulino de Oliveira, em Volta Redonda: temor em relação à segurança no entorno de Edson Passos.

A CBF já tinha indicado superficialmente a razão, mas a emissora acrescentou que “a mudança foi solicitada depois de uma avaliação técnica de segurança nos arredores do estádio”.

O presidente do Fluminense, Peter Siemsen, tentou contra-argumentar, mas não teve sucesso. O clube não gostou da mudança, que foi feita sem qualquer consulta ao Gepe, conforme confirmou o comandante do grupamento, Major Silvio.

Em nota, a Globo acrescentou que “não se trata de uma decisão para todos os jogos do Giulite Coutinho e que avaliações como essa fazem parte de um processo padrão para todas as arenas”.

O Fluminense reformou o estádio após um acordo com o América. O clube, que já conseguiu todos os laudos, inclusive de segurança, espera utilizar o campo no Brasileirão;



MaisRecentes

Benemérito do Vasco reclama de obstrução da secretaria para regularizar sócio



Continue Lendo

Vasco fecha com novo patrocinador até o final da temporada



Continue Lendo

Tour da Arena Corinthians já recebeu mais de 100 mil visitantes



Continue Lendo