Ampliação da assembleia geral da CBF está na pauta do Comitê de Reformas



As discussões da reforma do estatuto no Comitê de Reformas da CBF estão abrangendo uma mudança na composição da assembleia geral da entidade, atualmente composta apenas pelas 27 federações estaduais. A ideia defendida por quem participa das tomadas de decisão é que o aumento do quórum na assembleia da CBF seja um “cartão de visitas” da reforma do estatuto, fazendo com que ela seja bem recebida pelos stakeholders do futebol e tenha efeito político positivo.

Os clubes, graças ao Profut, passaram a ter direito a voto nas assembleias eleitorais, mas não participam das decisões administrativas da CBF. No entanto, além de passar pelo crivo do Comitê de Reformas, o novo texto tem que ser aprovado pelas próprias federações.



MaisRecentes

Atlético-MG já tem pagas guias de parcelas do Profut até outubro de 2021



Continue Lendo

Reunião na Fifa debate aceitação de licenças de técnicos da CBF



Continue Lendo

Treinadores terão encontro na CBF e farão demandas à entidade



Continue Lendo